• Neo Feed

PraValer entra “pra valer” na tokenização com emissão de R$ 60 milhões

Fintech de crédito educativo emite 60 mil debêntures tokenizadas para financiar investimentos em tecnologia e aquisições. Operação foi conduzida pela Vórtx QR Tokenizadora e tem o Itaú BBA como coordenador Desde que a Comissão de Valores Mobiliários estabeleceu as primeiras diretrizes sobre tokenização de ativos financeiros, em 2020, o tema vem ganhando espaço entre as companhias como uma opção para levantar recursos. Quem decidiu encarar esse mercado foi a PraValer, que anunciou uma captação de R$ 60 milhões, nesta terça-feira, 19 de julho.

A fintech de crédito educativo privado realizou a emissão de 60 mil debêntures tokenizadas, precificadas a R$ 1 mil a unidade, todas elas adquiridas por investidores. A Vórtx QR Tokenizadora – joint venture entre a Vórtx, fintech de infraestrutura para o mercado de capitais, e a QR Capital, holding do setor de blockchain e criptoativos – foi a responsável pela operação. O Itaú BBA atuou como coordenador.

Segundo Haroldo Carvalho, CFO da PraValer, a opção de realizar uma emissão de debêntures tokenizadas partiu de conversas com o Itaú, um dos seus principais acionistas, dono de uma fatia 42,5% de participação da empresa. Leia a matéria completa aqui:https://neofeed.com.br/blog/home/pravaler-entra-pra-valer-na-tokenizacao-com-emissao-de-r-60-milhoes/

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Autarquia autorizou uso dos recursos obtidos com esses títulos para o pagamento de aluguel O interesse de empresas por Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI) aumentou nos últimos meses após a C

Banco é o primeiro entre as grandes instituições brasileiras a aderir ao segmento Maior banco brasileiro, o Itaú Unibanco apresenta hoje a sua “tokenizadora”, unidade de negócios à frente das iniciati