• Ricardo Bomfim

Negociação de dívidas com blockchain é só o começo

Atualizado: há 5 dias

Uso da tecnologia no mercado brasileiro deve se espalhar por outros projetos

Oliveira, da OTC: Blockchain permitirá uma revolução nos contratos de crédito privado ao permitir criação de tokens — Foto: Divulgação

A tecnologia que vai permitir a negociação de títulos de dívida de empresas de capital fechado no Brasil pode ser um divisor de águas para a incorporação do “blockchain” ao sistema financeiro nacional, segundo participantes do setor. Num segmento que só existe hoje por meio de negociações “de balcão”, ou seja, fora do ambiente bolsa, ter uma ferramenta de validação de contratos que una as partes será um laboratório para outras aplicações.


No fim de novembro, o Banco Central aprovou a criação da OTC Brasil, projeto incubado dentro do “sandbox” regulatório - com flexibilização de exigências para estimular a inovação. De acordo com o presidente da empresa, Paulo Oliveira, o blockchain (tecnologia de registro descentralizado de informações) foi o sistema escolhido porque em vez de necessitar de um “super firewall” para há 3 semanas Finanças manter a segurança, depende apenas da validação de uma informação distribuída por vários computadores.


Leia matéria completa aqui:

https://valor.globo.com/financas/noticia/2021/12/21/plataforma-de-divida-e-abre-alas-para-blockchain.ghtml

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

HSI levanta seu maior fundo de crédito estruturado

Gestora de Maximo Lima já captou US$ 120 milhões da meta de US$ 500 milhões para o novo veículo Quando Maximo Lima voltou ao Brasil, no início dos anos 2000, depois de uma longa temporada atuando em c