top of page
  • Valor Econômico

Na SRM, os irmãos Mansur têm meio bilhão de reais e um backoffice para fintechs

Atualizado: há 6 dias

Vertical de venture capital da gestora de crédito concede linhas de financiamento, tecnologia e gestão de carteira de FIDCs em troca de equity


Os irmãos Salim e Marcos Mansur, sócios fundadores da gestora de crédito SRM, separaram meio bilhão de reais para uma aposta no universo de venture capital este ano. A vertical SRM Ventures está de olho mais especificamente nas fintechs e vem, desde o ano passado, testando um modelo em que oferece backoffice, tecnologia e também funding para conces


“Entre 2016 e 2018 começou a ficar muito comum a abordagem de fintechs querendo vender equity pra gente”, conta Marcos Mansur, diretor da SRM Asset. “Acreditamos muito que o mercado de fintechs vai ser feito de micro nichos: empréstimo B2B, o banco do médico, a plataforma do precatório, o cartão do pecuarista. Nossa ideia é resolver a parte tecnoló


Leia a matéria completa aqui:https://pipelinevalor.globo.com/startups/noticia/na-srm-os-irmaos-mansur-tem-meio-bilhao-de-reais-e-um-backoffice-para-fintechs.ghtml ou as ferramentas oferecidas na página.

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Cashbanx capta R$ 20 milhões

Com aporte feito pela SRM Ventures, startup pretende alcançar R$ 1 bilhão em volume bruto de mercadorias. A Cashbanx, plataforma de afiliados especializada no mercado de cashback, recebeu um investime

Motrix capta R$ 14 milhões

Investimento do Grupo Ágathos será direcionado à equipe de desenvolvimento da edtech. A Motrix, startup carioca especializada em plataformas para conteúdo pragmático de currículo escolar, acaba de rec

Comments


bottom of page