top of page
  • Valor Econômico

Com nova regra da CVM, indústria adapta fundos

Atualizado: há 6 dias

Desde que resolução 175 entrou em vigor, em outubro, 56 produtos de diversos segmentos foram lançados no mercado


Depois de uma corrida para lançar fundos antes de as novas regras da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) entrarem em vigor, em outubro, os primeiros produtos começaram a chegar ao mercado. Ao mesmo tempo, gestores e administradores se concentram na adaptação às normas recentes. O principal foco de atenção está nos novos acordos operacionais entre gestores e administradores e na adaptação no estoque dos Fundos de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDCs), que devem estar preparados em abril.


Um levantamento da Anbima feito a pedido do Valor mostra que, entre 2 de outubro e 17 de novembro, foram lançados 56 fundos novos, de diversos segmentos.


As regras começaram a valer a partir de 2 de outubro de 2023, e a implementação completa se dará de forma faseada até o fim de 2024. Desde o início, estão em vigor, por exemplo, as novas definições de responsabilidades dos prestadores de serviços.


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

RBR Asset entra em crédito imobiliário nos EUA

Fundo voltado a profissionais vai financiar obras residenciais, galpões e projetos A RBR Asset, gestora com mais de R$ 9 bilhões sob gestão, está entrando no segmento de crédito imobiliário nos Estado

Comentários


bottom of page